Miquinho


Estar na padoca dos playboys, vendo jogo, sendo o único vestido a caráter (entenda, com camiseta e boné), vendo o jogo. 
Em um dos muitos lances de quase gol, o cara vem pela esquerda e quando tinha tudo livre, ao invés de chutar ele toca. 
Minha reação imediata foi: 
“Chuta essa porra, filho da p…”
…gritando. Antes de completar o “puta”, notei que todos as pessoas da padaria me olharam. Fiquei roxo e caí na gargalhada com minha amiga.



Mico


Na rua, toda galera que chega com a gente lá. Um dos camaradas de ‘faz tempo’ com a noiva, que por sinal é bem gostosa. Só que esta noiva tem uma filha pequena, bem bonitinha. Aquelas meninas que você olha e sabe que vão ser bonitas quando ficarem grandes.
Daí, o linguarudo aqui, no meio da roda, mando logo essa: 
“Se ficar boa que nem a mãe, dá um caldo heim. Vou garantir essa daí pro meu filho”
Até aí, beleza. Beleza seria se o noivo não estivesse na roda. Qual foi a saída? Dar risada e falar que eu estava brincando.


Micão


Muito tempo atrás, tinha uma loja de animais na rua debaixo da minha. Eu sempre passava lá na frente, pra ver os bichinhos. As vezes tinha um bichinho legal, que eu gostava de ficar mexendo.
Só que sempre vinha um velho, e não deixava eu ficar olhando. Mesmo porque eu não estava só olhando, eu mexia, dava pão pros bixinhos comerem, enfim, avacalhava. Só que pra mim era normal, não tinha terror.
Um belo dia, quando o velho veio me espantar da porta, eu criei coragem e entrei na loja. O velho se assustou e voltou. Bateu no ombro de um garoto que estava lá e mandou ele me atender.
Eu precisava mesmo de ração pros passarinhos da minha mãe, mas eu só tinha entrado pro velho não me mandar embora.
Aí perguntei pro moleque quanto era a ração lá e sem deixar ele completar mandei: 
“Esse velho é chato pra caralho heim. Nunca deixa eu ficar olhando os bichinhos.”
O moleque me olhou com uma cara de raiva e respondeu:
“É minha AVÓ, porquê?”
Sem responder, eu dei a maior risada de todos os tempos e falei que a velha parecia um velho. Antes de eu sair, tive que trocar uns socos com o moleque lá. Mas no final, me saí bem, só tive que correr pra não apanhar do velho, digo, da velha.
Conheçam um pouco mais do Knanois :

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!
Este post tem alguma imagem e/ou video que não está aparecendo ou funcionando? Avise-nos clicando aqui !